Regulamentação e risco cibernético podem inibir o crescimento das empresas

Regulamentação e risco cibernético podem inibir...

Pesquisa da KPMG aponta as principais preocupações dos CEOS

Conteúdo Relacionado

A pesquisa “Panorama Global dos CEOs 2016” realizada pela KPMG elencou, por ordem de relevância, as principais preocupações dos CEOs entrevistados no levantamento e que podem inibir o crescimento das empresas: regulamentação (80%); posicionamento da empresa em termos de serviços e produtos (70%); impacto das da economia global (70%); fidelidade dos clientes (64%); influência dos millennials, a chamada geração Z (62%); tempo dispensado para pensar inovação (60%); valor e a qualidade da auditoria externa (54%); qualidade dos dados (56%); relevância dos produtos e serviços (56%); e a capacidade dos concorrentes em apropriarem-se dos negócios da organização (56%).

Já com relação aos riscos de mercado, a grande maioria dos CEOs (84% dos entrevistados) pensa que as empresas encontram-se em um patamar apropriado quanto ao enfrentamento dos problemas. O estudo apontou que o risco de segurança cibernética como o mais preocupante, seguido dos riscos regulatórios e de reputação (da empresa/marca). “A questão cibernética é, realmente, algo que deve ser muito bem cuidado pelas empresas que não querem se expor aos problemas externos e a pesquisa mostra que os CEOs têm essa percepção, tanto que 76% dos respondentes definem-se como ‘pouco preparados’ para um evento cibernético”, comenta o presidente da KPMG no Brasil, Pedro Melo. 

Aspectos estratégicos: tecnologia inovadora, diversificação dos negócios e fortalecimento do foco no cliente.
A maioria dos CEOs acredita que a implementação de tecnologias inovadoras deverá ser uma das prioridades estratégicas para a organização ao longo dos próximos três anos. A este quesito, seguem-se a diversificação dos negócios com a abertura de novas áreas, o fortalecimento do foco no cliente com a melhoria no atendimento às necessidades e a proposta de se tornar uma companhia mais orientada por dados analíticos.

Com relação à inovação, trata-se de um dos três principais temas da agenda e um dos aspectos mais importantes da organização para 84% dos entrevistados. Segundo o estudo, para alcançar sucesso nesse quesito, 38% defendem que ela deve fazer parte da estratégia de negócios e 52% apostam na promoção da cultura da inovação, com a criação de um ambiente encorajador aos riscos nos negócios (para 42%). No que diz respeito ao uso de dados e análises (data & analytics), a maioria dos CEOs (66%) garante que utiliza esses recursos de maneira bastante eficiente, sendo o principal objetivo a busca de novos clientes e a delimitação de público-alvo para as campanhas de marketing, bem como a orientação para as estratégias e mudanças.

Quando o assunto é a segurança em utilizar dados e análises, o nível de confiança volta a subir com 40% dos CEOs assumindo essa posição. No que tange à confiança na maneira como a organização utiliza esses recursos, sobressai a expressiva confiança nos aspectos da precisão, segurança e uso ético. 

O levantamento da KPMG entrevistou cinquenta CEOs das empresas brasileiras e proporcionou um retrato das expectativas dos dirigentes de empresas globais em relação ao crescimento dos negócios, aos desafios e as estratégias para os próximos três anos. Para acessar a pesquisa completa, basta acessar o site kpmg.com/CEOoutlook. 

Sobre a KPMG

A KPMG é uma rede global de firmas independentes que prestam serviços profissionais de Audit, Tax e Advisory. Estamos presentes em 155 países, com mais de 174.000 profissionais atuando em firmas-membro em todo o mundo. As firmas-membro da rede KPMG são independentes entre si e afiliadas à KPMG International Cooperative (“KPMG International”), uma entidade suíça. Cada firma-membro é uma entidade legal independente e separada e descreve-se como tal. No Brasil, somos aproximadamente 4.000 profissionais distribuídos em 13 Estados e Distrito Federal, 22 cidades e escritórios situados em São Paulo (sede), Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Cuiabá, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Goiânia, Joinville, Londrina, Manaus, Osasco, Porto Alegre, Recife, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro, Salvador, São Carlos, São José dos Campos e Uberlândia. 

Twitter: http://www.twitter.com/@kpmgbrasil
Site: kpmg.com/BR
Linkedin: www.linkedin.com/company/kpmg-brasil
Facebook: facebook.com/KPMGBrasil 

Atendimento à Imprensa

Ricardo Viveiros & Associados - Oficina de Comunicação (RV&A)
Marcel Trinta - marcel.trinta@viveiros.com.br - 11 3736-1127
Bianca Antunes - bianca.antunes@viveiros.com.br - 21 3515-9431
Ana Azevedo - ana.azevedo@viveiros.com.br - 11 3675-5444
Annelize Demani - annelize@viveiros.com.br - 21 3515-9487
Twitter: http://www.twitter.com/@RVComunicacao
Facebook: facebook.com/ricardoviveiroscomunicacao
Site: viveiros.com.br 

conecte-se conosco

 

Pedido de proposta

 

Enviar

Nova plataforma digital da KPMG

A KPMG International criou uma avançada plataforma digital que aumenta sua experiência, otimizada para descobrir novos e relacionados conteúdos.